Santo Agostinho – o Problema do mal

Link da apresentação

Questões apresentadas pelos colegas:

1-  A lei surge a partir do mal ou ela se faz necessária independentemente do mal?

O colega Geová propôs a questão e respondemos no sentido de informar que independe do mal.

2- A relação entre lei e livre arbítrio foi colocada pelo colega Pe. Gilberto num contraponto à imputabilidade (quem não detém Razão). A polêmica se instalou já que para o exercício do livre arbítrio necessita-se da Razão. Aquele desprovido de Razão é consequentemente livre de praticar o mal? Pensamos que sim. Já que somente os providos de Razão hão de fazer uso do livre arbítrio. Contudo o colega propôs nova questão relembrando a possibilidade de se eleger entre um mal menor a um maior, e assim não estar agindo contra a lei de Deus, já que opções outras não seriam possíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *