ConJur – Janot usa CPC para pedir suspeição de Gilmar em caso de Eike

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu que o Supremo Tribunal Federal declare o ministro Gilmar Mendes suspeito para relatar o Habeas Corpus que resultou na soltura do empresário Eike Batista. Com isso, quer conseguir a nulidade da decisão, para que Eike volte à prisão preventiva, cassada pelo ministro Gilmar no fim de abril.

Fonte: ConJur – Janot usa CPC para pedir suspeição de Gilmar em caso de Eike

2 thoughts on “ConJur – Janot usa CPC para pedir suspeição de Gilmar em caso de Eike

  1. A EXCEÇÃO DE SUSPEIÇÃO é o procedimento certo para afastar Autoridade Suspeita e dar nulidade na decisão conforme determina o artigo 285 do Regimento do STF, pois caso o Procurador RODRIGO JANOT, tenha sucesso com sua arguição para dar Nulidade na decisão e recambiar o Empresário “EIKE BATISTA” novamente para a Cadeia, provavelmente essa decisão servira de base e abrira as porta também para vários Jurisdicionados que luta a vários anos com arguição e até hoje não venceu o Corporativismo, pois na medida em que o jurisdicionado não é capaz de afastar do processo um juiz ou promotor suspeito, pois esses agentes públicos contam com o CORPORATIVISMO, para perseguir livremente o EXCIPIENTE que sempre figura como vítima, usando o cargo, através de decisões e atuações parciais CORPORATIVISTA, bater de frente com qualquer desses atores do Direito é ser perseguido por década, veja o caso do Pecuarista AUREO MARCOS RODRIGUES, que impetrou EXCEÇÃO DE SUSPEIÇÃO em desfavor do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso, sob o nº 1003594-66.2016.8.11.0000 e 1003576-45.2016.8.11.0000, para dar nulidade nos acordão das EXCEÇÃO DE SUSPEIÇÃO sob. o nº. 180068/2015 e 17413/2016.

    Acesse o site da página olhar jurídico com o tema: “JUIZ CONSEGUE NA JUSTIÇA BLOQUEIO DE VIDEOS QUE O ACUSAM DE VENDA DE SENTENÇA”, ou acesse a página do ENOCK, com o tema:
    “PAIXÕES DAS RUAS NÃO DEVEM ENCONTRAR GUARIDA NO MP” para a “SOCIEDADE BRASILEIRA”, ver na área de comentário os últimos PEDIDOS DE PROVIDÊNCIAS feitos publicamente ao Procurador Geral “RODRIGO JANOT”, agora se Rodrigo Janot quer o impedimento apenas no caso do Eike Batista? Isto é questão pessoal? E o Procurador também deve ser afastado também do feito. Estou AGUARDANDO PROVIDÊNCIAS procurador na notícia de fato sob. o Nº. 1.20.000.000.442.2014.11. que Vossa Excelência tirou do site da procuradoria, para a Sociedade não ver o andamento da REPRESENTAÇÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *